Scroll Top

Educação e Reflexão

Rio São Francisco Influenciou a História do Brasil Da Nascente a Foz

Educação e Reflexão no Brasilfront

Rio São Francisco Influenciou a História do Brasil Da Nascente a Foz

Rio São Francisco Influenciou a História do Brasil Da Nascente a FozFoto/Divulgação

O mais brasileiro de todos os rios é o Rio São Francisco … Influenciou a História do Brasil Da Nascente a Foz … Por suas corredeiras e redemoinhos, lagoas e cachoeiras, centrais elétricas  e represas, o Rio São Francisco abarca 450 municípios e sete estados. Quanta vida se formou dalí e vivem desse rio… Seu enraizamento pode ser percebido nos seus 2,7 quilômetros.

Confira as palavras de Alceu Amoroso Lima ao afirmar que: ”Do Nordeste para Minas Gerais corre uma espécie de eixo, uma linha imaginária, que, não por acaso, segue o curso do rio da unidade nacional, o Rio São Francisco. A esse eixo o Brasil tem de voltar sempre que não quiser se esquecer de que é Brasil”.

Da Nascente a foz, esse rio de histórias transborda do contato com a pluralidade de fontes históricas, geográficas e literárias que o retratam, desde sua existência histórica, muito antes de sua ”descoberta” por Américo Vespúcio, há 511 anos… O Velho Chico, textos que remetem á data de 4 de outubro de 1501… Quando a esquadra comandada por André Gonçalves, da qual Vespúcio era partícipe, ”descobriu” sua Foz e os tripulantes alcunharam com o nome de São Francisco…

A presença de indígenas no vale  do grande rio remonta á Pré-História, que, encantados com a imensidão do rio, chamavam-no de Opara, isto é, Rio-Mar. sua história é marcada por um espaço humano feito de trocas, conflitos e contatos intensos entre povos e culturas, esse rio-mar foi palco do drama da conquista e do povoamento do território brasileiro entre portugueses, franceses e holandeses…

Seguindo o rio, os vaqueiros ocuparam o território e os bandeirantes apressram ou exterminaram os indígenas resistentes.  Paralelamente, existia o aldeamento dos índios por missionários interessados na sua conversão ao cristianismo. Na comunicação entre aldeias, ”currais” e missões situados ao longo de sua extensão, as canoas indígenas, ajoujos e barcas eram os principais meios de transporte nos séculos XVII e XVVIII.

O Rio São Francisco também serviu de rota para o massacre dos índios, balizando as bandeiras e as trilhas das boiadas. Ao mesmo tempo, é por seu curso que chegava da Bahia a alimentação necessária para a exploração do território de Minas no século XVIII. Muitas riquezas foram exploradas no Rio São Francisco… Os terrenos salobros encontrados nas barrancas do rio foram fundamentais para expansão da pecuária, entre outras atividades lucrativas desenvolvidas ao longo do caminho do rio…

A construção de barragens e hidrelétricas ao longo do curso do rio representou um novo capítulo na sua história, com suas contradições oriundas da ausência de diálogo com as populações ribeirinhas e a implantação autoritária de grandes projetos estatais, transformando o vale em regiões de planejamento no contexto do desenvolvimento capitalista na segunda metade do século XX.

Ao mesmo tempo trouxeram a multiplicação de empreendimentos ligados á produção de frutas para exportação, caso de Juazeiro e Petrolina.  O Tema da Transposição do Rio São Francisco, trouxe novamente o rio-mar para o centro do debate nacional, revelando a disputa permanente sobre o uso de suas águas… A história do Velho Chico pode nos levar a refletir sobre seu ecossistema e a destruição da sua biodiversidade…

Fonte: A Revista do Professor Carta Fundamental Outubro 2012 História Fundamental II

*** Na sua opinião Esses desenvolvimentos todos ao longo da história do Velho Chico, Faz você pensar O Que?! Vale a pena o desenvolvimento e suas consequências?!  Participe do nosso Blog Brasilfront e Comente

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas Classifique Nosso Artigo de 1 à 5 Estrelas :)
Loading...

Artigos Relacionados à Rio São Francisco Influenciou a História do Brasil Da Nascente a Foz!

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: