Scroll Top

Arte e Cultura

Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e Música

Arte e Cultura no Brasilfront – Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e Música

Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e MúsicaFoto/Divulgação

Democracia. Essa parece ser a palavra-chave para entender as grandes lutas que polarizaram os agentes sociais no Brasil da segunda metade do século XX. Em 1946, o país se inseria na conjuntura mundial de conquistas democráticas depois da derrota dos regimes autoritários na Segunda Guerra Mundial…

A partir daí, a sociedade brasileira viveu um longo período de democracia política, interrompido em 1964 pelo golpe militar que instalou generais na presidência da república até 1985. Desde então, conquistada pela mobilização social e popular e por representação política, a democracia retornou…

No entanto, a democracia precisa ser cultivada e ampliada para que seus resultados se estendam á vida cotiana da maioria da população. Uma democracia que contribua para o crescimento da cidadania e para a redução da imensa desigualdade social do país….

Quer conhecer tudo sobre o Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e Música Fique ligado aqui: Brasilfront e Confira sobre a Obra de 1890, música composta por Leopoldo Américo Miguez(1850-1902) e letra escrita por Joaquim de Medeiros e Albuquerque(1867-1934).

Letra: Medeiros e Albuquerque

Música: Leopoldo Augusto Miguez

Seja um pálio de luz desdobrado

Sob a larga amplidão destes céus

Este canto rebel, que o passado

Vem remir dos mais torpes labéus!

Seja um hino de glória que fale

De esperanças de um novo porvir!

Com visões de triunfos embale

Quem por ele lutando surgir!

Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Das lutas na tempestade

Dá que ouçamos tua voz!

Nós nem cremos que escravos outrora

Tenha havido em tão nobre país…

Hoje o rubro lampejo da aurora

Acha irmãos, não tiranos hostis.

Somos todos iguais! Ao futuro

Saberemos, unidos, levar

Nosso augusto estandarte que, puro,

Brilha, ovante, da Pátria no altar!

Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Das lutas na tempestade

Dá que ouçamos tua voz!

Se é mister que de peitos valentes

Haja sangue no nosso pendão,

Sangue vivo do herói Tiradentes

Batizou este audaz pavilhão!

Mensageiros de paz, paz queremos,

É de amor nossa força e poder,

Mas da guerra nos transes supremos

Heis de ver-nos lutar e vencer!

Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Das lutas na tempestade

Dá que ouçamos tua voz!

Do Ipiranga é preciso que o brado

Seja um grito soberdo de fé!

O Brasil já surgiu libertado

Sobre as púrpuras régias de pé!

Eia, pois, brasileiros, avante!

Verdes louros colhamos louçãos!

Seja o nosso País triunfante,

Livre terra de livres irmãos!

Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Das lutas na tempestade

Dá que ouçamos tua voz!

As letras do Hina á Proclamação da República são maravilhosas, vale a pena conferir cada palavra….

*** Você conhecia o Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e Música Participe do nosso Blog Brasilfront e Comente 

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas Classifique Nosso Artigo de 1 à 5 Estrelas :)
Loading...

Artigos Relacionados à Hino á Proclamação da República, Obra de 1890, Letra e Música!

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: